• Fml Pepper

Que Fantasma Assombra Seu Protagonista?

Atualizado: Fev 8


O quê? Você nem sabia que ele tinha um (ou vários)? Então confira esse post e entenda como isso acontece em todos os livros de sucesso!


Não, não estou falando sobre livros de terror! KKK

O que vim te perguntar hoje é:

Qual é o “fantasma” do seu personagem principal?

Bom, uma vez identificada A MENTIRA que o seu protagonista conta a si mesmo, como expliquei no nosso último post, a próxima pergunta seria:

Por que ele acredita nessa mentira, afinal?

Para encontrar a resposta, comece a procurar por algo que o assombra desde o passado, a grande “ferida” que guarda dentro de si!

Há uma regra imutável em ficção: toda ação deve ter uma causa, como mostro no curso SEGREDOS DOS LIVROS QUE VENDEM NA AMAZON, com isso, se o seu personagem precisa falhar e/ou ir ao fundo do poço, então uma das nossas tarefas é cavar e cavar até descobrir o porquê.

Nós, seres humanos, somos sobreviventes.

E faremos o que for preciso para levar a vida adiante. Mas, contraditoriamente, também somos autodestrutivos. Podemos estar tão focados em algum aspecto que julgamos importante para nossa existência que muitas vezes sacrificamos tudo e/ou todos ao redor.

Pior.

Muitas vezes ficamos cegos para nossos comportamentos autodestrutivos. Nós racionalizamos e nos convencemos — com razão ou não — que o fim justifica os meios.

Em outras palavras: nós mentimos para nós mesmos!E, nossos personagens, como criaturas vivas que pulsam nas páginas dos livros, fazem a mesma coisa! Mas, peraí! Não é mentir por mentir. Há uma razão para essa mentira. Há sempre um motivo pelo qual valorizamos um aspecto da nossa sobrevivência em relação aos demais. Às vezes esses motivos são óbvios (como ganhar dinheiro para ter o que comer), mas em outros casos a razão é tão obscura que o próprio personagem não consegue mapeá-la (como ter que trabalhar feito um louco para ter sucesso e calar a boca do pai que o chamava de fracassado). ENFIM, ENCONTRE O MOTIVO QUE MOVE O SEU PERSONAGEM E AÍ VOCÊ TERÁ ENCONTRADO O FANTASMA QUE VERDADEIRAMENTE O ASSOMBRA (e não aquele que ele pensa/ diz que é)! Exemplos de “Fantasmas”: THOR: independente dos seus méritos, ele deve aprender a ser mais gentil para crescer. Jane Eyre: a recusa da tia em amá-la. Toy Story: saber o que acontece com os brinquedos que não são mais os favoritos e/ou ficam velhos. E o vento levou...: passar dificuldades/fome novamente. E aqui fica a minha dica: Sabe o que é mais interessante nisso tudo? O porquê por trás da crença do personagem na “mentira” vai alimentar a curiosidade do seu leitor. Isso mesmo! Só que você, como autor inteligente, deve ir revelando aos poucos, soltando umas pistas aqui, outras ali, até... O GRANDE FANTASMA SER REVELADO NO FINAL! E fazer da sua história um grande sucesso! Demais, né? Bom, agora é com você, amigo(a)! 'Bora' colocar a mão na massa! Milhões de beijocas, Pepper

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook
  • Pinterest
  • Instagram
  • Amazon ícone social
  • YouTube

Copyright © 2021 por  FML Pepper - Todos os Direitos Reservados